domingo, 5 de fevereiro de 2012

Livro, Parte 1, Capítulo IV, Sonhos dilacerados

Olá,

Segue o capítulo IV do livro Sou portadora da Síndrome de Stevens Johnson e quero ser mamãe. E agora?

Boa leitura!!!

Beijos e queijos...


_______________________________________________________________________________


IV

Sonhos dilacerados
A situação estava fora de controle. Tudo o que eu havia conquistado com muita dificuldade, estava se perdendo. A cada dia um pedaço de mim estava morrendo.
Que sina, depois de tantas batalhas, perder a guerra.
Sempre me questionava e não me conformava: Por que comigo?
Como gostaria que tudo não passasse de um terrível pesadelo e que, de repente, fosse despertada. Alguém me trouxesse de volta à realidade, mas infelizmente, aquilo estava acontecendo.
Havia momentos em que eu pensava que a morte seria a cura para todos os meus males, o alívio. Jogar tudo para o alto e que se dane a vida. Era o meu profundo momento de depressão, de angústia, de solidão.
O isolamento no meu quarto escuro era o meu programa preferido e como companheira, a cama.
Ali, aos poucos, meus sonhos se desfaziam e um por um era engavetado e guardado na memória para quem sabe um dia, imaginava no mais doce devaneio, colocá-los em prática. Isso é um sinal de esperança, apesar de não visualizar a vida por esse ângulo, naquele momento.
Sim, ainda restava um fio de esperança, quase imperceptível, mas restava, apesar de os meus problemas com a saúde não permitirem que eu sonhasse ou que sequer tivesse pensamentos positivos, e o que eu conseguia “ver” diante daquele quadro eram os meus sonhos dilacerados e o meu fim. 


____________________________________________________________________________


NÃO PERCA O PRÓXIMO CAPÍTULO!!!!!

0 comentários:

Postar um comentário

 

Blogs e Sites

Seguidores

Conheça meu Livro

WiaWebWebmasters